quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Melhorias de Carnaval


Prezados amigos,

O Carnaval já passou mas o desenvolvimento do TRAME 4.0 continua a todo vapor.
Abaixo destaco as novidades implementadas.

1) O comando Apagar agora é de múltipla função. No modo CAD ele remove as barras selecionadas ou as restrições de apoio do nó selecionado. Nos modos de carregamento, para barras e nós selecionados,  ele remove as cargas distribuídas das barras selecionadas (sistemas local e global) e as cargas concentradas da seleção.


2) Adicionada uma calculadora do coeficiente de modificação Kmod da madeira de acordo com a NBR 7190/1997 para auxilio na determinação do módulo efetivo de elasticidade utilizado na análise estática. Mesmo o programa não sendo focado na disciplina de estruturas de madeira, este é um importante recurso para análises comparativas entre ambos os materiais, ao mesmo tempo que torna TRAME 4.0 mais atrativo para uso nas escolas.



3) Corrigido problema do duplo clique como atalho de visualização das propriedades dos perfis metálicos de eixo maciço, circular e retangular recentemente adicionados ao gerenciador.


4) Liberada a opção de se atribuir cargas globais distribuídas sobre as barras da estruturas. Agora o programa é capaz de representar o diagrama de esforços normais considerando cargas distribuídas ao longo do eixo longitudinal das barras. No TRAME 4.0 foi adotada a estratégia de converter os carregamentos lançados no sistema global em cargas distribuídas locais equivalentes. Em função desta conversão foram testadas várias situações de orientação das barras. Abaixo apresentamos um exemplo cujos resultados foram comparados com o Ftool.

Assim como no Ftool, as cargas distribuídas aplicadas no sistema global, são representadas pela resultante das cargas aplicadas nas duas direções, X e Y. O valor da resultante depende, além das cargas, da inclinação da barra. Veja na figura abaixo a modelagem e dados do exemplo de uma viga bi-engastada.


 Diagrama de momentos fletores.




Diagrama de esforço normal distribuído ao longo do eixo longitudinal da barra prismática.


Diagrama de esforços cortantes.



Reações de apoio. 




Abaixo os resultados obtidos para a mesma estrutura no Ftool.







Ainda nesta semana, restinho de Carnaval para alguns, estarei disponibilizando estas e outras implementações  (ainda sendo minimamente testadas) antes de liberar para a avaliação dos usuários.

Atenciosamente

Paulo C. Ormonde

Nenhum comentário:

Postar um comentário